Suporte Avançado de Vida em Cardiologia

Tempo de leitura: 2 minutos

Conhecimento que faz diferença

A sobrevida de um paciente que tem uma parada cardiorrespiratória (PCR) em ambiente hospitalar ou extra-hospitalar está diretamente relacionada ao reconhecimento precoce da condição, o início das manobras de ressuscitação o mais precoce possível, seja por leigo ou profissional da área, e a desfibrilação precoce. Para tanto, é de extrema importância o conhecimento e treinamento das medidas de ressuscitação a serem adotadas numa situação de emergência.

O rápido reconhecimento de uma PCR, com o início precoce das manobras de ressuscitação  permite a manutenção da perfusão, mesmo que mínima, de órgãos nobres, como o próprio coração e encéfalo, melhorando o prognóstico de retorno à circulação espontânea e preservando a viabilidade do tecido nervoso.

A detecção precoce passa por uma avaliação rápida e sistematizada do paciente, sendo a ausência de pulso em grande artéria o sinal patognomônico da PCR. Dado o diagnóstico, deve-se chamar por ajuda (se extra-hospitalar, SAMU 192 ou corpo de bombeiros 193; se intra-hospitalar, acionar o código correspondente) e iniciar as compressões torácicas. Caso trate-se de um profissional treinado, intercalar 30 compressões com 02 ventilações. Manter tais medidas até a chegada da ajuda e de um desfibrilador, dispositivo que irá detectar qual o mecanismo eletrofisiológico da PCR, e consequentemente o tratamento: desfibrilação nos casos de fibrilação ventricular ou taquicardia ventricular sem pulso, detecção e reversão de possíveis distúrbios mecânicos ou metabólicos se atividade elétrica sem pulso ou assistolia.  

Abaixo, a cadeia de sobrevivência que guia o tratamento completo de um paciente em PCR, tanto extra quanto intra-hospitalar:

Se você quiser saber mais e treinar suas habilidades, a Sociedade Mineira de Terapia Intensiva (Somiti) tem cursos de capacitação em Suporte Avançado de Vida, com Chancela do American Heart Association. Entre em contato conosco!

Autor:

Dr. Lucas Lima de Carvalho. Ele é especialista em Cardiologia pela SBC; especialista em Terapia Intensiva pela AMIB; pós-graduado em Emergências Médicas/CMMG; Especialista em Nutrição parenteral e enteral pela BRASPEN e diretor de cursos e instrutor do BLS e ACLS, cursos da Somiti.

Continue a acompanhar os artigos do blog Somiti para mais conteúdos como esse.
Siga-nos também nas redes sociais: Facebook, Instagram e YouTube e mantenha-se atualizado em Terapia Intensiva, Urgência e Emergência.

Saiba mais sobre os cursos da Somiti em nosso site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *